Como crescer sua rede de Digital Signage?

como crescer rede digital signage

Você já pensou em quantos problemas teve por enviar uma mensagem com uma intenção e ser mal interpretado? Ruídos de comunicação podem ser responsáveis por tragédias no mundo corporativo e, definitivamente, causam confusão nas relações interpessoais. Por isso, para alinhar objetivos e manter times em sinergia, é tão importante que gestores engajem suas equipes na busca por mecanismos eficientes para se comunicar, sendo o Digital Signage uma das estratégias mais eficientes. Mas você sabe o que é e como fazer crescer sua rede de Digital Signage, atraindo mais público e apoiadores? Veja nossas dicas!

O que é Digital Signage?

Basicamente, o Digital Signage pode ser definido como uma rede de telas conectadas e gerenciadas de maneira remota e central. Essa rede pode ser usada tanto para informar quanto para anunciar produtos e serviços ou entreter, sendo as TVs corporativas um exemplo célebre. De forma geral, essa rede possui o objetivo de entregar mensagens de forma eficiente para um determinado público em locais, contexto e audiência previamente definidos.

O cenário para investimentos na área é promissor. Em 2017, o mercado global de Digital Signage espera alcançar o valor de 17,1 bilhões de dólares. De acordo com a Intel, já temos mais de 10 milhões de reprodutores de mídias conectando-se a 22 milhões de telas digitais.

7 dicas simples para fazer crescer sua rede de Digital Signage

Ampliar a sua rede de anunciantes, melhorando a receita e viabilizando mais recursos de transmissão parece um tanto difícil. Porém, com alguns passos básicos, a tarefa não só fica mais simples como gera resultados satisfatórios.

Planeje sempre

O Digital Signage pode ser um ótimo recurso para engajar seus colaboradores e clientes, bem como firmar a sua identidade no mercado. Porém, implantar uma solução de Digital Signage sem planejamento é uma perda de tempo, como em qualquer estratégia comunicacional. Faça uma boa pesquisa de mercado, com estudo de PDV, e escute, atentamente, as demandas de seu público.

Identifique stakeholders

Procure entender quais são os grupos de pessoas que têm interesse em participar, investir ou comprar ações de sua organização. Estes stakeholders podem envolver diversos tipos, desde profissionais de marketing até TI. Esta etapa do planejamento irá garantir que as mensagens certas sejam enviadas ao público correto. Afinal, cada grupo de stakeholders necessita de recursos específicos em design e conteúdo para serem atingidos por uma mensagem.

Alinhe objetivos

Antes de partir para a criação de conteúdo, tenha a certeza de que todas as equipes envolvidas na elaboração estão alinhadas sobre as estratégias e objetivos da ação comunicacional. Faça testes com a comunicação interna. Ouça atentamente as contribuições de seus colaboradores, levante as melhores ideias e as melhores soluções para mensurar os resultados das propostas.

Foque no conteúdo

Criar conteúdo com potencial para engajamento é crucial para o desenvolvimento de uma solução em Digital Signage. Antes de se preocupar com a apresentação visual do conteúdo, pense nas mensagens a serem transmitidas e como torná-las amigáveis para seu público.

Atente-se para a localização

Você sabe em quais áreas seu público tende a ter a atenção cativada por seu conteúdo? Pessoas que utilizam o transporte público com frequência são fortes candidatas a serem telespectadores das Telas em ônibus e metrô, por exemplo. Já as equipes que operam em hospitais serão mais atingidas pelas telas disponíveis nas salas de espera e espaços de convivência.

Segmentação ou Rede de Lojas

Uma estratégia para aumentar significativamente sua rede é investir em redes de lojas ou seguimentos específicos, como por exemplo criar um canal customizado para Clinicas ou Salões de Beleza , possibilitando a comercialização de espaços publicitários para empresas e marcas interessadas no perfil deste público!

Reconheça os pré-requisitos do sistema

Conheça os aspectos técnicos dos dispositivos utilizados pelos usuários finais. Este passo é essencial para projetar soluções adaptadas às necessidades de cada parte envolvida, bem como para traçar estratégias de mensuração adequadas.

O Digital Signage ou redes de comunicação digital conectadas, estão presentes no dia a dia, no metrô, salas de espera, nas ruas, lojas, restaurantes, academias, clinicas, salões de beleza, dentre outros. Conteúdos institucionais, educativos e conversas com o cliente tornam-se cada vez mais fáceis, o que atrai olhares de apoiadores e anunciantes. Para isto, investir em uma boa estratégia de comunicação é essencial. Com um plano bem definido e equipes alinhadas em relação aos objetivos, fica mais fácil crescer sua rede de Digital Signage, engajar o seu público e ampliar seu espectro de anunciantes.

Ainda tem alguma dúvida ou sugestão sobre o tema? Comente aqui e compartilhe suas ideias com a gente!

Como convencer comerciantes à implementar uma TV Corporativa

como convercer comerciantes a implantar uma tv corporativa

Vários segmentos comerciais fazem uso atualmente da TV corporativa ou digital signage – telas de vídeo que exibem conteúdos personalizados pré-selecionados pela própria empresa a fim de interagir e estimular seus clientes diretamente no ambiente que estão frequentando. Restaurantes, academias, clínicas, supermercados, padarias e inúmeros outros tipos de estabelecimentos se beneficiam das vantagens oferecidas por esta modalidade de serviço, tendo um diferencial importante sobre seus competidores.

Pensando nisso, vamos falar hoje sobre os melhores argumentos que você pode utilizar para convencer um estabelecimento comercial a implementar uma TV corporativa. Fique por dentro!

Tv Corporativa – Conteúdos ágeis e personalizáveis

A TV corporativa pode ser programada para exibir qualquer tipo de conteúdo – informações sobre o clima, feed de notícias, fotos, vídeos promocionais, tweets de clientes e muito mais. Tudo isso pode ser atualizado em tempo real a fim de sempre renovar o interesse de seu público.

Cada estabelecimento vai se beneficiar de formas próprias de conteúdo, sempre com o intuito de dar à programação das telas a cara da empresa e solidificar o relacionamento com os clientes. Um supermercado, por exemplo, pode anunciar nas TVs promoções relâmpagos dos itens mais desejados. Já uma academia pode exibir imagens das aulas mais procuradas por seus alunos. Em contrapartida, um restaurante pode mostrar os tweets de clientes satisfeitos com os pratos mais apetitosos. As opções são ilimitadas.

A grande vantagem da TV corporativa é que ela permite uma constante modificação dos conteúdos exibidos, em uma velocidade muito maior do que nos meios impressos, o que dá uma grande flexibilidade para a empresa na hora de se alinhar com as últimas tendências de seus clientes.

Poderosa forma de interagir com o público

As TVs corporativas dão ao ambiente empresarial um aspecto bonito, moderno e intimista, chamando a atenção rapidamente de todos os clientes que ali se encontram. O grande benefício disso é que o público se cativa muito mais fácil com este tipo de exibição e tende a interagir de forma mais positiva com os serviços e a identidade própria da empresa.

Além disso, esse serviço abre imediatamente um eficiente canal de comunicação entre a empresa que o contrata e seus clientes. Dúvidas frequentes podem ser respondidas, opiniões mostradas e conteúdos interessantes estimulam os consumidores a ficarem mais confortáveis naquele ambiente, facilitando bastante a relação destes com o estabelecimento, o que gera maior retorno financeiro.

Custos acessíveis

A grande preocupação de um dono de estabelecimento comercial ao implementar uma TV corporativa é, obviamente, o custo desta tecnologia. Telas em alta definição que exibem conteúdos personalizados, de fato, não parecem ser baratas. Então, para convencer a empresa a adotar este serviço, utilize estes dois argumentos que falam diretamente com o bolso do dono:

  • A maioria das empresas que oferecem o digital signage produzem e atualizam os conteúdos da empresa e realizam a instalação dos equipamentos sem custos. Isto acontece porque elas ganham seu pagamento através dos anúncios que introduzem na programação da TV corporativa.
  • Mesmo que o estabelecimento comercial tenha de pagar pelo serviço, mostre que a TV corporativa é muito mais vantajosa financeiramente que os meios impressos, já que não há nenhuma mídia física envolvida. Além disso, como mostramos, é muito mais fácil atualizar e modificar os conteúdos oferecidos ao público do que nas formas tradicionais de interação com clientes.

E aí, pronto para convencer seus clientes a adotarem a TV corporativa? Conte sua experiência aqui para nós! Até a próxima!

Qual a importância do Digital Signage em pontos de espera?

digital signage pontos de espera

Digital Signage, que na tradução em português significa sinalização digital, refere-se ao uso de displays eletrônicos com a finalidade de entreter, comunicar, educar, informar e veicular propaganda ou publicidade da própria empresa ou de terceiros.

A sua aplicação pode ser implementada em praticamente qualquer negócio e tem o objetivo de gerar melhor fluxo de clientes, além de fazer com que a espera nos locais não seja monótona nem provoque impaciência.

Confira a seguir qual a importância do Digital Signage para usar em filas e também quais benefícios ele pode trazer quando utilizado em pontos de espera forçada.

Melhora a experiência

Segundo o estudo Why We Won’t Wait (“Por que não queremos esperar”), realizado pela Lavi Industries, a instalação de uma tela de Digital Signage em locais em que há pontos de espera forçada (filas em geral, recepções e elevadores) reduz em até 35% a percepção do tempo de espera.

Essa redução da percepção do tempo de espera é fundamental porque faz com que a experiência das pessoas que estão nos pontos de espera seja positiva e reflita em ações futuras junto à empresa.

Por que se preocupar com isso?

Porque, ainda segundo o estudo, as pessoas que vivenciam experiências negativas tendem a não fazer negócio com a empresa novamente. Veja os motivos:

  • Após ouvir os relatos de experiências negativas de terceiros, 48% das pessoas afirmaram ter deixado de frequentar o estabelecimento citado.
  • 65% dos americanos não conseguem um tempo para si, mesmo ao longo do dia.
  • Se a fila não andar em 2-3 minutos, as pessoas tendem a abandoná-la.
  • Passados cinco minutos de espera forçada, o tempo de percepção de espera aumenta em duas vezes com relação ao tempo real. Ou seja, os cinco minutos transformam-se em 10.
  • Cerca de 80-90% das pessoas entrevistadas mudariam de estabelecimento na tentativa de enfrentar filas menores.
  • Anualmente, nos Estados Unidos, existe uma perda de aproximadamente US$ 83 bilhões nas vendas em razão de experiências negativas vivenciadas por consumidores durante o tempo de permanência em espera forçada.

O tempo de espera é o fator mais importante na satisfação do cliente.  Paco Underhill, Why We Buy

Sabemos que a satisfação é o fator determinante que leva o cliente a fazer negócios com a empresa novamente ou não. Portanto, melhorar a experiência durante o tempo de permanência em espera forçada pode influenciar nas vendas naquele momento ou posteriormente, no ponto de venda.

Digital Signage favorece a retenção de clientes

Ao investir em um sistema de gestão de fila que transmita entretenimento informativo, por exemplo, a empresa ganha na organização, no tempo de percepção de espera, na satisfação do cliente e, consequentemente, isso reflete no aumento das vendas:

  • A empresa que possui alta avaliação positiva no quesito de atendimento ao consumidor tem 12 vezes mais lucro que os concorrentes.
  • O aumento de 5% na retenção de clientes significa 75% de aumento no lucro da empresa.

Dica: A instalação da tela Digital Signage para usar em filas deve ser feita em pontos estratégicos do estabelecimento, de modo a alcançar o maior número de pessoas possível. Ou seja, o campo de visão deve privilegiar a todos ou ao menos grande parte das pessoas que estão em condição de espera forçada.

E então, como tem sido a sua experiência em pontos de espera forçada? Com Digital Signage certamente é melhor, não é mesmo? Conta pra gente, nos comentários deste post, onde você costuma encontrá-los.

Como montar um mídia kit para sua rede de Digital Signage?

midia kit digital signage

Antes de saber como montar um mídia kit, precisamos defini-lo. Um mídia kit é um documento indispensável para empresas do ramo de comunicação, onde são mostrados dados importantes para os interessados em seus serviços.

Esse documento deve conter informações sobre os veículos utilizados, o público que será atingido, qual será seu alcance, informações que serão veiculadas nas telas, formatos de anúncios e agilidade de comunicação. Agora que você já sabe a definição, confira o passo a passo para montar um mídia kit!

Divulgue bem seu serviço

Esse é o primeiro passo para começar bem um mídia kit. Saber qual o alcance dos seus veículos é fundamental. Informar áreas geográficas dependendo do tamanho da sua empresa, estados, cidades ou bairros que eles atingem, em quais os pontos suas telas estão, sejam em shoppings, aeroportos, pontos comerciais e a mais moderna tecnologia utilizada: a tecnologia signage, também é importante.

Disponibilize também informações sobre sua empresa, quantos anos de mercado, os principais anunciantes e explore o seu diferencial, mostre porque a sua empresa é a mais indicada.

Mostre as estatísticas sobre seu negócio

As estatísticas são de extrema importância para o documento, por isso é importante procurar a quantidade de pessoas atingidas por suas telas. Dependendo do lugar onde elas estão localizadas, podem ser usados equipamentos e softwares para medir audiência, se possível contagem de pessoas que passam na frente das suas telas em um estabelecimento ou até mesmo terceirizar o serviço de contagem. O mais importante é não mentir sobre esses dados, alguns anunciantes podem solicitar a comprovação deles.

Informe sobre os formatos e qualidade dos seus anúncios

Essas informações devem estar bem específicas no mídia kit, quanto maior o leque de formatos e a qualidade, maiores serão suas chances de atrair anunciantes. Formatos como SD, HD e Full HD, devem fazer parte de seu repertório, o tamanho suportado pelos softwares também deve ser informado.

Se possível mostre os principais hábitos do público que geralmente veem suas telas, esse será um diferencial, pois essas informações são um pouco mais difíceis de conseguir. Informe sobre a média de tempo em que as pessoas ficam próximas ou observam suas telas, seus hábitos de consumo, quantas vezes ao dia elas passam por suas telas, etc.

Insira dados sobre o mercado

Alguns anunciantes não conhecem o mercado. Então, mostre a eles os benefícios de usar o seu veículo, resultados de outras empresas que utilizaram esse serviço. Não se esqueça de mostrar as vantagens em relação a outras mídias e tecnologias, e sempre trabalhar com dados concretos.

Outro ponto importante é o preço. Ao colocá-lo você atrairá potenciais clientes que já têm noção do quanto pagarão, mas pode afastar outros que não lhe dariam a chance de uma negociação ou de conhecer os benefícios do seu serviço numa conversa mais pessoal.

No entanto, não colocar o preço tanto pode atrair clientes que aceitem sua proposta como também atraem aqueles que não estão realmente interessados e apenas sobrecarregam sua equipe de vendas tomando tempo. Portanto, pense bem antes de definir esse aspecto.

Peça autorização a clientes da sua carteira para divulgá-los no seu mídia kit, atualize-o com frequência e mais uma vez utilize sempre informações concretas e verídicas. Não se esqueça de colocar todos os contatos disponíveis para que o cliente possa falar com a sua empresa!

Preze pela identidade visual do Midia Kit

Agora que você já sabe como montar um mídia kit, existem alguns cuidados que devem ser tomados antes de divulgá-lo. Defina uma identidade visual para seu mídia kit, utilize as cores da sua marca, coloque as informações ordenadas, disponibilize imagens de boa qualidade e que harmonizem com o texto.

Então, já que você aprendeu como montar seu mídia kit, compartilhe o post nas redes sociais para ajudar outras pessoas que possuem a mesma dúvida.

Case de sucesso: Canal Moocatv

Case de sucesso Moocatv

A Mooca é um bairro paulistano que acolheu imigrantes italianos, cujos descendentes são hoje donos de empresas consolidadas, em especial no ramo de gastronomia. Apesar de ser um bairro muito tradicional, a Mooca passou por um processo de crescimento econômico nos últimos anos, trazendo muitos condomínios de alto padrão e consequentemente uma estrutura completa de serviços, como Franquias, Redes de Supermercados, Restaurantes, Concessionárias,  entre outros. Com aproximadamente 100 mil habitantes, costumam dizer na região que, a Mooca é praticamente uma cidade.

Acompanhando este crescimento e modernidade a M8K Agência de Marketing Digital criou um canal de Comunicação Digital chamado Moocatv, onde através de Telas Profissionais instaladas nos estabelecimentos mais tradicionais e conceituados do bairro, informa os mooquenses sobre as principais notícias do país enquanto estão comprando um pãozinho ou fazendo exercícios, distraindo-os enquanto eles estão esperando a vez na consulta médica ou no salão de beleza para um trato no visual. Além disso os estabelecimentos ganham uma programação customizada para seus clientes, informando-os sobre novidades, promoções, produtos e também exibição do Menu Digital .

A Moocatv está presente no dia a dia do bairro, faz enorme sucesso entre os mooquenses e se constitui na mídia digital de maior impacto na região, presente em mais de 50 estabelecimentos comerciais, por onde circulam mais de 1 milhão de pessoas por mês. Comunicação direta, dinâmica e sempre atualizada. E a qualidade da transmissão é indiscutível. Tecnologia de ponta. São telas Profissionais LFD, com imagens em alta definição, alto brilho, excelente ângulo de visão e players de última geração.

Todos de olho na Mooca

Por tudo isso, hoje a Mooca faz inveja a muitos bairros de São Paulo como o Tatuapé, Pinheiros, Morumbi e Moema . Há cinco anos até TV própria o bairro possui e nunca foi desligada. Gerenciada pelo pelo software da Nucleo Media todo sistema é monitorado remotamente e a programação, claro, pode ser personalizada, alterada e sempre tem novidades. A competição entre anunciantes é sadia e a audiência é garantida.

O departamento de criação pensa e constrói os conteúdos. O departamento técnico, por sua vez, oferece solução completa para a comunicação corporativa dos estabelecimentos. Antes do lançamento, os criadores do Canal Moocatv não encontravam uma solução que tivesse um software exclusivo com conteúdos interativos gratuitos. O problema foi resolvido pela Nucleo Media.

O monitoramento remoto atacou outro problema. A Moocatv nunca dependeu de pen-drivers para exibir seus conteúdos na programação. Além disso, se uma das telas desliga, através do monitoramento, é possível detectar a falha com agilidade e um técnico é enviado ao local para ajustá-la. O suporte também prima pela qualidade.

Solução Digital Signage – Moocatv

O Canal Moocatv é uma tecnologia de Digital Signage, ou sinalização digital em português, que pode ser utilizada em diferentes contextos. O sistema pode ser usado para informar sobre promoções, conversar diretamente com clientes e ganhar a atenção deles em estabelecimentos comerciais de grande circulação, como é o caso do Canal Moocatv.

Outra possibilidade é otimizar demandas de empresas que precisam de tecnologia em painéis eletrônicos para conduzir clientes a guichês e a máquinas de venda automática durante o atendimento por exemplo. O Digital Signage pode ser utilizado também de forma interna, apoiando a comunicação institucional das empresas e orientando a equipe.

E você já pensou em criar um canal de sucesso como o Canal Moocatv no seu bairro, cidade ou até mesmo dentro da sua Empresa? Quem procura uma comunicação segmentada e eficiente, pode contratar a solução de Digital Signage da NucleoMedia em qualquer cantinho nesse mundo. Tá esperando o quê?

Digital signage: como atrair mais anunciantes para sua rede?

nucleo-10_06_16 (3)

Em virtude do ritmo agitado dos nossos dias e com o avanço acelerado da internet, os consumidores, especialmente aqueles sem tempo de ler jornais e revistas ou mesmo de ouvir programas na rádio, têm sido envolvidos cada vez mais pelo mercado da Digital Signage. Assim, de forma natural, estão gravitando na órbita desta tecnologia, que vem oferecendo de maneira envolvente e atrativa produtos ou serviços das empresas que estão no mercado.

Essa ferramenta pode ser considerada um mundo à parte, com expectativas e demandas exclusivas, diferentes de outras práticas de mídia. Isso acontece porque a concentração do público atual é mais curta e seus interesses são bem variáveis. Embora a popularidade da Digital Signage esteja crescendo muito, diversas empresas ainda desconhecem estas técnicas que são utilizadas para poder atrair mais anunciantes. No post de hoje vamos mostrar algumas destas estratégias para ajudar seu negócio a atrair mais público. Confira!

1 – Escolha um público específico para poder focar

Primeiramente, é importante definir de forma clara qual será seu nicho de atuação e o quê seu público está procurando. Ter essa consciência te levará a compreender como seu negócio irá usar a Digital Signage e por quê. Com o foco em um público específico, sua empresa poderá desenvolver estratégias e aplicar meios de conquistar o público desejado. Consequentemente, isso irá atrair mais anunciantes. Ter essa consciência também vai ajudar nas tomadas de decisões sobre formas de adoção de infraestrutura em tecnologia, aquisições de conteúdos e implantações de tipos de propagandas.

2 – Crie um bom Mídia Kit

O Mídia Kit é uma ferramenta primordial para qualquer veículo de comunicação. Ele funciona como uma espécie de vitrine em seu negócio. Quando bem elaborado, será o melhor caminho de atração para diversos anunciantes. Para prepará-lo, comece com uma pequena introdução, citando as características principais e maiores diferenciais em seu serviço. Depois, inclua outros dados de mercado que sejam referentes à sua mídia. Use isso como forma de convencimento para que o anunciante veja a importância em se atingir o público com sua plataforma de comunicação. Depois, faça um levantamento de dados sobre sua audiência como, por exemplo, classe social, escolaridade, idade, sexo, etc.

3 – Desenvolva um site para marcar presença nas mídias sociais

Segundo estudos e pesquisas realizadas, no Brasil são mais de 120 milhões de pessoas que acessam a internet, sendo que mais de 70 milhões são por smartphones. Isso representa uma incrível oportunidade para qualquer empresa poder atrair e conquistar clientes. Porém, para aproveitar da melhor forma todo esse potencial, é preciso desenvolver um site, assim como páginas e perfis nas mídias sociais, utilizando boas estratégias para ter uma presença relevante na web.

É importante você apresentar toda sua proposta de valor e como ela poderá gerar benefícios ao anunciante.

4 – Invista em ferramentas de marketing para seu Digital Signage

Uma boa estratégia simples, mas completa, poderá gerar grandes resultados, enquanto ações isoladas e de baixa qualidade irão trazer apenas retornos parciais. Este princípio básico é amplamente conhecido e utilizado desde os precursores do marketing. Quando se pensa em investir em marketing é preciso utilizar ferramentas e técnicas adequadas para divulgar sua marca de forma eficiente, agregando valor ao negócio. Quanto maior for sua exposição e o engajamento conquistado, maiores serão suas chances de atrair e fidelizar novos anunciantes, alavancando assim seu empreendimento.

5 – Qualidade

A melhor forma de atrair uma boa audiência e consequentemente bons anunciantes é investir na qualidade dos equipamentos e dos conteúdos exibidos em sua rede . Por isso, utilizar Telas Profissionais e equipamentos com exibição de imagens em Alta Definição, certamente vão contribuir para agregar mais valor à marca de seus anunciantes . Considere também um bom software de gerenciamento e monitoramento, para dar mais dinâmica a sua programação e maiores possibilidades de veiculação aos anunciantes , conquistando a confiança de que suas telas estarão sempre ligadas .

Gostou do nosso post de hoje? Ficou alguma dúvida? Deixe um comentário e nos ajude a deixar esse material ainda mais rico.

5 benefícios de utilizar uma plataforma de videoconferência em SaaS

nucleo-06_06_16 (2)

Você já pensou nas vantagens de utilizar algum software de produção no seu browser, da mesma forma que já faz com editores de texto e armazenamento de arquivos? Não? Pois seja bem-vindo ao conceito de SaaS e utilize em seus projetos de videoconferência.

O System as a Service (ou sistema como serviço) acompanha a tendência onde o trabalho pesado é realizado por computadores remotos e incrivelmente poderosos, desafogando a necessidade de programas instalados em nossas máquinas. Por exemplo: fazer o render de imagens ou de um vídeo é muito mais rápido na nuvem, pois suas máquinas são muito mais poderosas que as nossas.

E se as suas conferências utilizassem o mesmo conceito? Prepare-se, pois hoje vamos falar sobre cinco benefícios de utilizar uma plataforma de videoconferência através de SaaS.

Benefícios de software na nuvem

1. Redução de custos

Nada de investir em equipamentos que serão usados esporadicamente. Uma das vantagens de  utilizar software na nuvem é que você só paga pelo que utilizar. É o fim do investimento em equipamentos que ficam boa parte do tempo ociosos. O conceito é o mesmo com o SaaS. A diferença é o foco em software, não sendo mais necessário comprá-lo. Ele pode ser utilizado como serviço, diretamente do seu browser, sem a necessidade de instalação ou problemas de incompatibilidade. Se quiser parar de usar o serviço, basta terminar a assinatura.

2. Tecnologia de ponta

A utilização de máquinas muito poderosas era algo exclusivo de grandes empresas por causa do fator preço. Graças à nuvem, empresas pequenas podem utilizar o mesmo poder de processamento usado por grandes nomes do mercado sem precisar investir em máquinas caras. É preciso acrescentar que também é o fim das atualizações, pois toda vez que uma nova versão de software é lançada, você passa a ter total acesso a ela, sem pagar mais por isso.

3. Flexibilidade

Um benefício muito interessante é a flexibilidade. Os serviços oferecidos pela nuvem permitem que você controle a sua infraestrutura de acordo com as suas necessidades. Se a sua empresa está crescendo e precisa de mais espaço e capacidade de processamento, não precisa comprar um novo servidor, bastando aumentar o seu plano para ter acesso a mais recursos. Algo muito útil para empresas que possuem picos de movimento durante o ano.

4. Vídeo na nuvem

Alguns desses serviços contemplam sistemas de videoconferência, que, utilizados na nuvem, dão mais poder a esse tipo de atividade. Não é preciso que todos utilizem determinado software para efetuar a reunião em vídeo. Basta as pessoas se conectarem através de um serviço e pronto, estão conversando sem problemas e sem burocracia. Como não poderia deixar de ser, a videoconferência pode ser utilizada a partir de tablets, smartphones e computadores pessoais, dando mais flexibilidade aos usuários.

5. Plataforma Webinars para Videoconferência

Todas as vantagens mostradas a serviço de videoconferências podem ser encontradas na plataforma Webinars. Você e seus colaboradores não precisam instalar burocráticos softwares para conseguir conversar. Basta utilizar o seu browser. Além disso, dentro do software estão inclusos itens como slideshows animados, enquetes de múltipla escolha, dentre outras ferramentas que vão melhorar muito as suas reuniões on-line – que podem ser também cursos, palestras e seminários on-line.

O que você achou do conceito de videoconferência na nuvem como serviço? Percebeu todas as vantagens perante as soluções disponíveis no mercado? Conte nos comentários abaixo sobre a sua experiência com videoconferência e o que essa nova tecnologia poderá fazer pelo seu negócio.

Digital signage: Importância do gerenciamento e monitoramento remoto

monitoramento digital signage
O funcionamento das redes de digital signage no Brasil foi se construindo organicamente em torno de empreendedores que fornecem pontos e estrutura para a utilização desse tipo de mídia. Por se tratar de um setor dinâmico, é constante o desenvolvimento de ferramentas e técnicas para qualificar o gerenciamento e monitoramento desses sistemas, visando reduzir erros e qualificar os resultados entregues ao cliente.

Hoje estão disponíveis inúmeras maneiras de administrar e simplificar a forma como o sistema de digital signage funciona, adaptadas às necessidades dos clientes e que ajudam a reduzir o custo operacional.

Entenda o que é Gerenciamento e Monitoramento remoto

Quando falamos em gerenciamento e monitoramento remoto, estamos nos referindo àquelas ferramentas que possibilitam a administração simplificada de aplicativos e equipamentos, requerendo, para isso, apenas uma conexão com a internet. Essa administração à distância é realizada através de softwares que conseguem automatizar rotinas consideradas repetitivas e com alto índice de erro para o seu negócio. Você pode criar playlists e programar exibições de mídias, programar os equipamentos para ligar e desligar automaticamente ou remotamente, controlar se suas telas estão ligadas ou desligadas em tempo real, exibir Feeds de notícias gratuitamente, gerar relatórios detalhados das exibições efetuadas em cada ponto e muito mais !

Agora que você sabe um pouco mais sobre o que isso significa, vamos te mostrar por que a implementação dessas tecnologias é tão importante para sua comunicação.

Automatize a gestão de conteúdo

Antes de implantar uma rede de digital signage, é necessário escolher uma maneira através da qual se dará a atualização dos conteúdos transmitidos para o seu público. Sistemas que permitem apenas atualizações mensais com o uso de DVDs ou Pendrives são menos eficientes para os clientes que precisam cada vez mais usar a velocidade a favor da informação. Depender de uma distribuição de material que acontece de forma não automatizada também pode ser causa frequente de pânico em termos de logística.

Adotar softwares remotos para a gestão de conteúdo tem se tornado a solução mais confiável e capaz de entregar resultados uniformes para quem compra essa mídia e quem é impactado por ela. Dessa forma, oferecer conteúdo atualizado fica simples desde a venda até sua distribuição.

Garanta sucesso em processos repetitivos

Uma das facilidades em se trabalhar com sistemas automatizados de gestão em sua empresa está na execução de tarefas rotineiras, que acabam sendo um gargalo na produtividade de sua equipe. Atualizações de software, checagem de recursos e detecção da necessidade de manutenções são apenas algumas das tarefas em que é possível economizar muitas horas úteis com a escolha do software certo.

Manter-se competitivo exige uma boa administração dos recursos disponíveis para a execução de determinado projeto. Adotando a automatização, é possível garantir alto índice de sucesso na conclusão de processos repetitivos como a implementação de manutenções proativas.

Torne seu conteúdo de Digital Signage mais eficiente

Tecnologia é a melhor forma de aproveitar as oportunidades da publicidade segmentada, explorando ao máximo o potencial do seu sistema de digital signage. Com gerenciamento remoto, é possível veicular o conteúdo certo para o público adequado na maior parte do tempo e alterar a forma como a programação é exibida com alguns cliques. Tornar seu conteúdo mais eficiente em suas conversões é uma consequência positiva do monitoramento remoto.

O suporte também fica mais simples quando a sua ferramenta de monitoramento funciona de maneira adequada. Permitindo a implementação de alterações e a correção de bugs em tempo real, a solução remota também apresenta vantagem quanto à escalabilidade, podendo ser implementada em toda sua rede de maneira simultânea.

Investir em uma boa estrutura de gerenciamento e monitoramento do seu sistema de digital signage faz diferença nos resultados em caixa. Você simplifica a maneira como administra seu negócio e melhora a qualidade dos atendimentos, criando oportunidades e integrando seu serviço de ponta a ponta.

Já utiliza gerenciamento e monitoramento remoto em sua rede ? Não deixe de nos contar nos comentários.