3 benefícios de uma transmissão multiplataforma

transmissao multiplataforma

A transmissão online tornou-se uma fonte de marketing, de comunicação, de promoção de produtos bastante relevantes. Por isso, os provedores de conteúdo estão sendo desafiados a maximizar o retorno sobre cada vídeo postado. A incompatibilidade de uma transmissão com determinada plataforma tem se tornado, portanto, um tópico extremamente comprometedor do relacionamento do seu cliente com a sua empresa.

No entanto, apesar de parecer uma solução simples, tornar transmissões amigáveis a todas as plataformas é um desafio técnico grande, pois ainda não há o mínimo de uniformização das linguagens de programação utilizadas em cada uma delas. Entretanto, os desafios vêm sendo superados e os benefícios de uma transmissão multiplataforma estão cada vez acessíveis, confira:

O cliente terá sua página como referência de conteúdo

Na era do Capitalismo Informacional, seus clientes são viciados em conteúdo. Eles querem receber e absorver, o tempo todo, o máximo de informações que puderem. Por exemplo, não aceitam mais ficar passivos, perdendo tempo em salas de espera. Querem aproveitar esse tempo para assistir algum vídeo ou ler alguma página com conteúdo informativo.

Com a transmissão multiplataforma, seu cliente será atraído à sua página de conteúdo constantemente, ao invés de acessá-la somente em momentos específicos. Se você veicula somente conteúdo amigável para desktop, ele não irá acessar sua página quando estiver em trânsito, por exemplo.

Por outro lado, se sua transmissão tem baixa resolução, sendo amigável somente para mobiles, ele não vai desejar “forçar a visão” para assistir sua palestra e irá utilizar o PC para outras atividades. Se você veicula somente conteúdos amigáveis para Android, ela não acessará suas transmissões quando estive envolvido com o iPad dele, e assim em diante.

Os custos com transmissões serão reduzidos

Quando uma empresa não utiliza uma transmissão multiplataforma, frequentemente, ela se vê obrigada a repeti-la. Então, ocorre o seguinte processo:

  1. Um prospect assiste seu webinar e, por meio de algum aplicativo de chat ou nas mídias sociais, ele compartilha o conteúdo que achou interessante;
  2. Outras pessoas acessam o link, mas têm dificuldades de acessá-lo;
  3. Como ficaram curiosas, elas contataram sua empresa para repetir o webinar;
  4. Por fim, você terá de gastar para adaptar o seu vídeo a outras plataformas.

A transmissão multiplataforma otimiza suas métricas

Se você utiliza uma plataforma única para veicular seu conteúdo, você comprometerá
todas as suas métricas:

  • Visto que você atinge menos clientes, o custo de captação de cliente crescerá e o retorno sobre investimento (ROI) será menor;
  • Menos clientes atraídos, possivelmente, significa que você terá uma menor taxa de crescimento do faturamento;
  • Com um faturamento menor e com um custo operacional de marketing maior, certamente seu lucro será menor.

Portanto, a transmissão multiplataforma é o melhor modo de otimizar seus resultados, quando
estiver oferecendo uma palestra ou um webinar. Veja o marketshare de cada plataforma de dispositivo móvel:

  1. Android (88,73%)
  2. Windows Phone (6%)
  3. iOS (4,7%)
  4. BlackBerry (0,27%)

Você pode cair no equívoco de pensar que, como o Android é um líder inconteste, não vale a pena gastar seus recursos com as outras plataformas. Todavia, cada plataforma tem um perfil diferente de usuário, o que se traduz em um diferente comportamento de compra. Por isso, você deverá investir em todas, do Android ao BlackBerry.

Utilizar a transmissão multiplataforma é certamente uma das melhores formas de aumentar a atração da sua empresa por meio do marketing digital. Com as ferramentas corretas, você poderá, até mesmo, monitorar a audiência de seu webinar para criar conteúdos cada vez mais segmentados, mas isso é assunto para outro post!

Ficou interessando em melhorar a experiência do seu cliente por meio do uso de ferramentas multiplataformas? Assine nossa newsletter!

Deixe uma resposta