Mural Digital: A Comunicação Interna da sua Empresa na Era Digital!

É notável e grandiosa a evolução tecnológica que estamos vivendo. Há poucos anos atrás utilizávamos disquetes e mais tarde CD’s para a transferência de arquivos. Hoje, em questão de segundos, é possível acessar arquivos em qualquer lugar do mundo com o armazenamento em nuvem. A comunicação interna das empresas também não fica para trás quando o assunto é a evolução tecnológica. Aproveite e leia mais nesse artigo!

Já que estamos falando em coisas do passado, alguém se lembra dos murais onde diversos bilhetes, panfletos e comunicados eram fixados? Essa prática era muito comum na maioria das empresas! Acredite: ainda há muitas empresas usando esse tipo de comunicação, talvez até eficaz, mas nada, nada eficiente.

Para suprir a necessidade de modernizar a comunicação interna com colaboradores, surgiram os murais digitais. O Mural Digital é composto basicamente de uma tela de alta resolução com o uso de um software de gerenciamento de conteúdo, onde é possível adicionar todo o conteúdo de endomarketing de uma empresa como informativos, gráficos com metas do mês, datas comemorativas como aniversários de funcionários, lembretes de eventos, conteúdos sobre saúde e qualidade de vida no trabalho e muito mais. Muitas informações podem ser capturadas em tempo real de fontes de dados como BI, ERP, CRM.

Tudo isso representa uma grande inovação pois agora é possível atualizar tudo em poucos cliques, dialogando com seus colaboradores de forma dinâmica e atrativa. Outro ponto a se comemorar é a redução total de custos com impressão e reimpressão em caso de erros nos conteúdos, além do ganho logístico na inserção de conteúdos de última hora, o que antes era impossível.

Já quando falamos em integração com outros dispositivos e redes, com o Mural Digital, a comunicação interna da sua empresa fica muito mais interativa. É possível utilizar de QR Codes, links, entre outros gatilhos para que a informação vá muito além da tela física e se conecte com outras plataformas. É possível interagir com a catraca eletrônica, com um caixa, uma balança de supermercado ou açougue, e qualquer outro dispositivo que possa entregar informações pela Internet. Para isso, é importante contratar o Mural Digital de empresas que possuam em seu corpo técnico uma equipe de TI e desenvolvimento para auxiliar os clientes em seus projetos e customização.

São inúmeras vantagens para que a comunicação da sua empresa entre na era era digital. Atualize-se!

Contrate o Mural Digital para sua Comunicação Interna

O Software Mural Digital da Nucleo Media oferece todos os recursos que sua empresa precisa para digitalizar sua comunicação: rapidez, praticidade, suporte e a possibilidade de customização do sistema para oferecer sempre a melhor solução!

Conheça mais e contrate para sua empresa: http://muraldigital.nucleomedia.com.br/

Gostou? Aproveite e leia também nosso artigo: Mural Digital – 7 motivos para você usar na sua empresa

Quadro de avisos – Entenda sua importância

quadro de avisos

Todo mundo sabe que uma empresa só caminha bem se todos os seus funcionários, administradores, servidores estiverem em certa harmonia. O bom funcionamento é o resultado da sintonia estabelecida entre todos os envolvidos. Essa sintonia se refere a cada um fazer a sua parte, e consequentemente, o conjunto de todas as ações individuais, resultem no melhor andamento possível de uma determinada organização.

Além de cada um fazer com maestria a sua função, é necessário que todos estejam interligados, de uma forma ou de outra. Isso significa que todos precisam estar cientes de tudo o que acontece no ambiente de trabalho. Nenhuma das partes envolvidas pode estar distanciada de todo o processo do trabalho.

Quadro de Avisos

Aí entra o importante papel do quadro de avisos. Essa ferramenta já é utilizada há muito tempo pela maioria das empresas, instituições e demais organizações. Por mais simples que pareça, um quadro de avisos cumpre muito bem, e de forma satisfatória, a função de transmitir os avisos mais importantes a todos os envolvidos. O Quadro de Avisos é útil tanto para as pequenas empresas, mas principalmente, para as grandes, nas quais a comunicação individual acaba sendo muito mais difícil.

É importante que o quadro de avisos, seja tradicional ou digital, seja colocado em um espaço visível e que esteja ao alcance de todos, ou pelo menos, da maior parte dos funcionários. Quando este é colocado em um lugar restrito, onde a circulação de pessoas é pequena, há grandes chances de que os comunicados não cheguem até as pessoas que precisam chegar, ou ainda, cheguem depois do previsto.

É de grade valia também que os administradores, responsáveis por manter o quadro de avisos atualizado, solicite, com certa frequência, que seus funcionários estejam sempre atentos aos comunicados do quadro. Não adiante ter um quadro com todos os avisos se ninguém presta atenção neles.

Quadro de Avisos – Digital

Com o avanço da tecnologia e o surgimento de novos dispositivos, o quadro de avisos tradicional, colocado na parede com os comunicados impressos, pode ser hoje, facilmente substituído pelo Mural Digital.

Essa ferramenta pode facilitar o uso e a visualização dos comunicados pois são gerenciadas remotamente com alteração de conteúdos em tempo real. Existem softwares especializados para gestão de um Mural Digital como o Mural Digital da Nucleo Media.

Além do mural digital, outra alternativa para substituir o quadro de avisos é a criação de grupos com todos os funcionários nas redes sociais. Dessa forma, os comunicados podem ser postados pelos administradores e recebidos em tempo real pelos trabalhadores. Se essa for a alternativa escolhida, é importante, no entanto, que os responsáveis tenham a confirmação de que todos possuem acesso ao grupo e ainda, que todos acessem com frequência.

Uma maneira muito utilizada pela maioria das empresas hoje em dia para transmitir seus avisos para seus funcionários é por meio de um grupo criado no aplicativo WhatsApp. Esses grupos também são um meio eficiente para a divulgação dos comunicados de uma empresa, uma vez que todos os envolvidos recebem notificações, evitando que não sejam lidos por esquecimento.

Dessa forma, o quadro de avisos, tanto na sua versão tradicional, quanto às versões mais modernas, são extremamente importantes para o bom andamento das empresas.

Gostou deste artigo. Leia também 6 Alternativas para uma comunicação interna eficiente.

Mural Digital – 7 motivos para você usar na sua empresa

MURAL DIGITAL

Todo mundo sabe que o bom desempenho de uma empresa é consequência de alguns fatores fundamentais. Um dos principais desses fatores é a comunicação interna estabelecida entre os funcionários e o corpo administrativo.

É de grande importância que todos os trabalhadores estejam em sintonia, e principalmente, saibam tudo que acontece dentro da empresa. Pensando nisso, os empresários desenvolvem técnicas para estabelecer esse tipo de relação. A mais comum e mais utilizada é o mural de avisos, onde os administradores fixam todos os comunicados que precisam ser transmitidos a seus funcionários.

O modelo tradicional de mural de avisos é um quadro, colocado em uma das paredes do prédio, onde se trabalha de forma que todos tenham acesso facilitado a ele. Os avisos são impressos e colocados de acordo com as necessidades.

No entanto, com o passar do tempo e com o surgimento de novos dispositivos, esse modelo tradicional foi substituído pelo mural digital. Se sua empresa ainda não tem, veja sete motivos pelos quais vale a pena incorporar um mural digital dentro do seu ambiente de trabalho:

1 – Comunicação sem acesso à intranet – muitas empresas optam por se comunicar internamente através de aplicativos. Porém, todos eles, ou a maior parte, necessita de acesso à internet, o que acaba dificultando o acesso. A vantagem do mural digital é que ele não necessita de internet, ou seja, mesmo com as quedas da rede, os funcionários terão conhecimento dos avisos.

2 – Rapidez e agilidade – com o mural digital, se economiza boa parte do tempo que antes era preciso para digitar e imprimir os avisos. Neste modelo, os recados são digitados e automaticamente transmitidos, o que agiliza todo o processo.

3 – Forte apelo visual – esse mural possibilita a transmissão não só de textos, mas de fotos, imagens e até vídeos. Isso acaba por chamar a atenção e impactar seus funcionários, fazendo com que o recado seja incorporado de forma mais eficiente.

4 – Tempo real – a grande vantagem do mural digital é que os comunicados podem ser veiculados em tempo real. Ao mesmo tempo em que um administrador sente a necessidade de transmitir um aviso, ele pode digitá-lo e fazer com que seus funcionários fiquem sabendo em tempo real.

5 – Redução de gastos com a impressão – o modelo tradicional de mural demanda um determinado número de impressões, que variam de acordo com as necessidades de se comunicar. O mural digital economiza todo esse gasto, uma vez que todo o processo é digitalizado, ou seja, não precisa de material impresso.

6 – Facilidade de distribuir conteúdo – o mural digital tem a capacidade de atingir de forma mais rápida e eficaz, por isso, todos os comunicados são distribuídos de forma mais rápida do que o modelo tradicional.

7 – Agiliza o desempenho – como seus funcionários tem acesso mais rápido aos seus avisos, o desempenho melhora, uma vez que as ordens e recomendações são recebidas e incorporadas de forma mais rápida.

O Software Mural Digital oferece todos os recursos possíveis para a implementação do mural digital. Se você ainda não tem o seu, providencie o quanto antes.

Mídia indoor, o que é? Entenda na prática a ferramenta!

 

MÍDIA INDOOR

Diferentes possibilidades de ações publicitárias são dispostas para o mercado a todos os momentos, contudo, algumas são mais qualificadas e geram mais resultados do que outras, é o caso da mídia indoor.

Antes de exemplificarmos os fatos que comprovam o porquê a mídia indoor traz mais ganhos que outras mídias tradicionais como a TV, é importante salientarmos que a mídia indoor é uma das três mídias que mais crescem no Brasil, segundo dados da ABDOH (Associação Brasileira de Mídia Digital Out Of Home), esse crescimento se dá devido a alta aceitação dos públicos e sua direta relação com eles, além desta mídia estar se tornando altamente digital, incorporando telas e relacionamento ao contato com esses públicos. Para se ter uma ideia existe hoje um marketplace de publicidade chamado Admooh, que é uma plataforma onde os anunciantes podem escolher telas espalhadas em estabelecimentos pelo mundo todo, para veiculação de seus anúncios.

A mídia indoor é a mídia publicitária utilizada dentro de qualquer ambiente, como seu nome já sugere, ela é a tradicional mídia interna, que utiliza de diferentes artifícios internos de um local para expor seu público aos mais variados formatos de veiculação. Seus resultados são cada vez mais satisfatórios e expressivos, pois esta mídia gera frequência, muito importante em qualquer estratégia de comunicação, além de segmentação real de público, o que significa que é possível definir o público que se pretende atingir e com isso escolher os locais que as peças serão apresentadas.

Diferentemente das mídias tradicionais como a TV, o rádio e o jornal, a mídia indoor alcança e pode se relacionar mais diretamente com determinado público. É possível gerar diferentes propostas e peças dentro de um ambiente, e com ele múltiplos resultados. A mídia indoor é aplicada digitalmente através de Telas Digitais, ou em formatos mais tradicionais, em display, painéis, cartazes.

Seu crescimento em investimentos no Brasil é reflexo da aceitação do público e dos resultados gerados por ela. A mídia indoor digital é seu formato mais atual, com aplicação de TVs em elevadores, em ônibus, com display em academias, shopping, além de outros locais. Ela consegue aproximar o público das marcas e possibilita aos comunicadores criarem campanhas mais segmentadas e que os atinjam de forma objetiva.

Por sua vasta gama de aplicações a mídia indoor não é somente informe publicitário, ela pode ser utilizada em rodoviárias para informações sobre horários de ônibus, ou ainda previsão do tempo, sendo que em momentos específicos as TVs transmitem peças publicitárias. Ela ainda pode ser utilizada por empresas, pelo setor de endomarketing, por exemplo, para informativos, parabenizações e diversas outras aplicações (Leia também TV Corporativa – Saiba quais são seus benefícios). Seu formato digital está cada vez mais difundido no Brasil e tem representado grande parcela dos investimentos em mídia.

Dentro os seus inúmeros benefícios, a mídia indoor digital tem a vantagem de conseguir segmentar seus públicos de forma muito precisa, é possível escolher o público e coloca-la em locais específicos, sendo uma importante vantagem para os anunciantes, pois poderão investir em um público que realmente escolherão.

A possibilidade de mesclar conteúdos diferentes de um mesmo anunciante na grade de programação é outra grande vantagem, tanto para os anunciantes que antes na mídia indoor tradicional teriam que trocar as telas, hoje podem ter uma programação mais dinâmica, tanto para os publicitários que podem expandir a criatividade e criar peças que instiguem o público da marca.

Dentre suas milhares de aplicações e grandes possibilidades a mídia indoor é um formato direto e que traz ótimos resultados para os anunciantes e que vem sendo utilizada cada vez mais pelas agências de publicidade.

TV Corporativa – Conheça os melhores conteúdos

tv-corporativa-conteudos

TV corporativa, uma importante estratégia de comunicação interna. Porém, é preciso saber explorar os seus recursos de modo a aperfeiçoar ainda mais a sua utilização.

No caso das TVs corporativas, incorporá-las como canal de comunicação sem apostar em conteúdo diversificado e interessante para o público alvo não serve de nada.

Com base nisso, separamos neste artigo algumas dicas com os melhores conteúdos a serem utilizados na TV corporativa de seu negócio.

Para começar, imagem é tudo

Uma dica muito importante na hora de criar conteúdo para a TV corporativa é essa: utilize imagens e demais recursos para tornar a programação muito mais atrativa, interativa e dinâmica.

Além das imagens, vídeos, infográficos e animações também podem fazer grande diferença nesta estratégia. Escrevemos um artigo especial sobre o assunto: Comunicação Moderna. Pouco texto, mais imagens!

Incentivos e comunicados no geral

Por ser uma estratégia de comunicação interna, a TV corporativa também pode auxiliar no sentido de dinamizar a divulgação de comunicados e de incentivos aos funcionários.

Alguns conteúdos possíveis neste sentido são: anúncio de futuros eventos, reforço de determinadas regras, mudanças, feriados e comunicados internos de modo geral.

Integre a TV corporativa com outros canais

A TV corporativa também pode conversar com outros canais de comunicação da empresa, como murais impressos, intranet ou jornal interno. Se houve alguma mudança recente na intranet da empresa, por exemplo, nada melhor do que alertar os funcionários sobre ela por meio da TV corporativa.

Use diferentes feeds

Ao invés de apostar unicamente em conteúdo institucional, aproveite o potencial da TV corporativa para intercalar diferentes feeds – o que irá chamar a atenção dos colaboradores.

Sendo assim, insira notícias, curiosidades, feeds de entretenimento, cultura, política ou esportes e intercale esse tipo de conteúdo com aqueles institucionais – o que evita que a TV corporativa exiba o mesmo material o dia todo.

Que tal apostar em treinamentos?

Um dos conteúdos mais amplamente utilizados em TVs corporativas são os treinamentos. Essa é uma maneira simples e eficiente de reforçar alguns ensinamentos – principalmente por meio de vídeos online.

Além disso, ao apostar nas TVs corporativas para a oferta de treinamentos a sua empresa economiza com uma série de aspectos: como hospedagem, deslocamento e até mesmo com materiais para a realização dos mesmos.

Palavras da presidência

A TV corporativa também pode ser utilizada para aumentar a autoconfiança e motivação do funcionário. Sendo assim, o conteúdo ‘palavras do presidente’ pode ser de grande importância para reforçar tanto a motivação como o orgulho nos colaboradores.

Informações de modo geral

Resumidamente, a TV corporativa pode ser utilizada para manter os funcionários alertados sobre qualquer coisa que aconteceu, está acontecendo ou venha a acontecer na empresa.

Vale lembrar que o repasse de informações também é de grande importância para potencializar os resultados da empresa e para que todos trabalhem em prol das melhores soluções no caso de problemas.

E o texto?

Por fim, o texto. O mais recomendado é que ele seja o mais curto possível. Textos e parágrafos longos/extensos devem ser evitados ao máximo.

Restaurantes que vão além de seus pratos principais

restaurantes-que-vao-alem-do-seu-produto-principalRestaurantes: um dos negócios mais rentáveis no mercado é o alimentício. Pelo menos é o que muitos ouvem dizer quando decidem abrir um restaurante ou outro tipo de comércio de comidas. Ainda que seja verdade, isso também significa que a competição é grande e é preciso bastante esforço e visão para que o seu restaurante se destaque entre os outros.

Alguns pontos são básicos e é provável que você já saiba deles: localização, cardápio, bom atendimento, tudo isso é, realmente, vital para o sucesso da empresa. Veja o artigo que escrevemos sobre Como melhorar a experiência de um cliente na espera por uma mesa. Esses fatores, porém, são apenas o pontapé inicial, o indispensável. O que você precisa para fazer com que o restaurante vá mesmo para frente é um diferencial.

Lembre-se que ir a um restaurante não é uma obrigação do cliente. Ele não está consumindo naquele local apenas para saciar sua fome; ele saiu de casa, enfrentou clima e trânsito para chegar até ali e, na maioria das vezes, não está sozinho. É claro que podem existir situações em que a ida ao restaurante seja apenas uma escapatória, mas no fim das contas, se o cliente realmente quiser apenas uma comida qualquer, ele pode se alimentar em casa ou em qualquer fast-food. Se ele foi até o seu restaurante, é mais provável que ele esteja considerando aquilo como um passeio, um mimo a si mesmo e seus acompanhantes, a melhor opção do dia ou da noite.

Para que ele chegue a essa conclusão, é preciso providenciar uma experiência que vai além da comida. Dessa forma, o sabor e os cheiros irão se acentuar na memória daquela pessoa e o mais provável é que ela queira voltar.

Como tornar a ida do cliente ao seu restaurante uma experiência agradável e memorável? Talvez algumas dicas possam ajudar:

Restaurantes: Identifique seu público-alvo e aja de acordo

Dependendo da localização, horário de atendimento e tipo de refeição oferecida, seu restaurante pode atrair algum grupo específico. Por exemplo, se for um restaurante noturno e romântico, espera-se que casais sejam os principais consumidores e, portanto, é ideal que existam muitas mesas para dois e uma iluminação mais baixa. Caso seja um restaurante familiar ou para amigos, mesas grandes e música animada podem ajudar, desde que nada atrapalhe a conversa entre os clientes.

Escolha a melhor decoração

Seu restaurante pode ser temático, o que com certeza atrairá muitos olhares, principalmente se toda a decoração estiver harmoniosa e completa. Mesmo que não exista um tema específico, é interessante que existam alguns quadros ou cartazes que passem a sensação desejada (de acordo com o público-alvo já mencionado).

Interaja com o público

Além de um atendimento solícito e simpático, clientes também adoram ter com o que se distrair enquanto esperam pela comida ou mesmo depois que se alimentam. Pense em brincadeiras ou curiosidades nas mesas e guardanapos, lousas nas paredes abertas a recados, uma jukebox eletrônica ou concursos rápidos: tudo é válido desde que aprimore a experiência do cliente.

Use a tecnologia a seu favor

Libere o Wi-Fi nos restaurantes, sugira um feedback nas páginas do restaurante, faça uma promoção online, pense fora da caixa. As pessoas gostam de continuar conectadas, então garanta que elas não esqueçam onde estão enquanto isso.

Feedback: Como impulsionar os talentos da sua empresa

feedback-como-impulsionar-os-talentos-da-sua-empresa

Muito se fala a respeito da importância do Feedback, mas muitas empresas ainda não conseguem colocar isso em prática. O Feedback, nada mais é do que um retorno, dado pelo líder imediato para o funcionário, a respeito de seu desempenho na equipe da empresa. É uma ferramenta importantíssima para garantir que ambas as partes saibam claramente quais são os objetivos a serem conquistados, metas e prazos.

Ele pode ser negativo ou positivo, mas o importante é que seja feito de forma respeitadora e de preferência, individualizada.

Feedback funciona?

Pesquisas recentes realizadas no mundo todo, comprovam a eficácia do feedback para o desempenho dos funcionários. Independentemente da área ou até do cargo que ocupam, as pessoas se sentem mais motivadas, valorizadas e compreendem muito melhor o que a empresa espera delas quando o feedback é dado pelo seu gestor.

Ou seja, passam a produzir mais e melhor e conquistam mais rapidamente as metas e objetivos estabelecidos, já que tudo é feito às claras e de forma constante. As pesquisas também indicam que os próprios funcionários percebem esta diferença e preferem o método de feedback à antiga e tão utilizada avaliação de desempenho.

Mas é preciso ter cuidado. Para que o feedback traga realmente resultados tão positivos, é preciso que a técnica seja aplicada com cuidado e atenção. Não basta apenas dizer que o trabalho realizado não estava à altura ou que o funcionário não está produzindo conforme o esperado.

Veja a seguir algumas dicas valiosas para melhorar o feedback e aproveitar os benefícios que ele proporciona para a equipe e toda a organização.

1. Quem faz o feedback é o líder direto

Toda equipe precisa de um líder que esteja sempre presente e por dentro de todas as atividades da equipe. E é este líder que deve dar o feedback para cada um dos membros de seu time. Nada de terceirizar para os recursos humanos ou para a diretoria.

2. Deve ser individualizado

O feedback é uma conversa privada entre líder e funcionário. Não diz respeito aos demais membros da equipe e nem outros departamentos. Por isso, o líder deve se preparar para conversar com cada pessoa individualmente.

3. Respeito e franqueza são as palavras – chave

O feedback tem como objetivo motivar e ajudar o funcionário a encontrar o melhor caminho caso ainda esteja cometendo erros ou falhas. O líder tem a obrigação de apresentar caminhos para resolver os problemas e indicar formas para que ele alcance os resultados. Somente criticar, não terá nenhum resultado positivo.

4. Elogie e reconheça as vitórias

Todos nós gostamos de ser valorizados e elogiados pelo esforço que fazemos. Em todos os feedbacks aponte sempre os pontos positivos e quais são os pontos nos quais o funcionário está acertando. Assim, além de tentar melhorar o que ainda não está tão positivo, ele manterá aquilo que é valorizado pela empresa.

5. Seja constante

O período do feedback pode mudar de uma empresa para a outra. Mas o ideal é fazer isso com uma boa frequência, para que problemas possam ser corrigidos e bons resultados sejam reconhecidos. Não deixe para fazer o feedback somente uma vez ao ano, quando pode ser tarde demais.

O papel do líder é inspirar, motivar e ser transparente nas metas e objetivos que a equipe precisa alcançar. Com o feedback, fica bem mais fácil de deixar tudo isso claro para todas as pessoas que fazem parte da equipe.

Responsabilidade Social: Como aliar com a comunicação da empresa

resposabilidade-social-como-aliar-com-a-comunicacao-da-empresa

Já foi o tempo em que se acreditava que ter responsabilidade social era um dever apenas do Estado. Hoje em dia, cidadãos e empresas se preocupam cada vez mais com a sociedade e buscam colaborar com uma vida mais justa através de ações e campanhas.

Há diversas formas de fazer a diferença de forma positiva. Seja para a conservação do meio ambiente e dos recursos naturais, para a educação e preparação de jovens, para melhorar a saúde de uma população, para aumentar as possibilidades de acesso à cultura e muito mais.

Além de trazer inúmeros benefícios para a própria comunidade onde atua, empresas e marcas que se preocupam com a felicidade e o bem estar das pessoas, acabam ganhando também em imagem e passam a ser mais bem vistas entre seus consumidores e parceiros.

Mas como é possível, fazer a diferença e ao mesmo tempo aproveitar estas ações juntamente ao plano de comunicação da empresa? Nós separamos algumas dicas valiosas, veja a seguir.

O objetivo da responsabilidade social deve ir de encontro aos valores da empresa

Todas as empresas são construídas a partir de valores fortes. Quanto mais enraizados eles estiverem nas práticas do cotidiano de todos os funcionários, melhor será para seu futuro como marca.

Além disso, a sociedade, consumidores e parceiros devem enxergar estes valores e para acreditar neles, perceber que são realmente colocados em prática e não somente algo que foi colocado no papel.

Por isso, procure ações que tenham foco na responsabilidade social e que estejam de acordo com estes valores. Se sua empresa tem como valor, a busca pelo conhecimento, por exemplo, procure investir em projetos que apoiam a educação e a formação.

Acredite no que faz

Não basta somente participar ou criar ações de responsabilidade social para parecer uma empresa melhor. É preciso acreditar de verdade nos atos desenvolvidos e investir para que aconteça uma transformação real.

Fazer somente para mostrar é rapidamente percebido e acaba se transformando em uma imagem negativa.

Engaje todos os funcionários

Faça com que o projeto faça parte do cotidiano de todos que trabalham na empresa. Quando cada um passa a acreditar que o resultado das ações de responsabilidade social são algo inerente ao negócio, o engajamento aumenta e a probabilidade de sucesso também.

Lembre-se que seus funcionários são uma excelente forma de comunicação da imagem da marca para o mundo.

Procure parceiros

Empresas de pequeno e médio porte também podem mudar a sociedade à sua volta e deixar um legado para o mundo. Mas sozinhas, nem sempre conseguem desenvolver projetos com muita visibilidade.

Nestes casos, o melhor é participar de ações e eventos desenvolvidos por ONGs ou grupos independentes que buscam por apoio.

Convide a comunidade a participar

Seus clientes, parceiros e fornecedores podem fazer parte de suas ações de responsabilidade social. E o melhor deste tipo de mobilização é que todos saem ganhando. A comunidade, que aproveitará os benefícios do projeto em si e as marcas envolvidas, que deixarão uma imagem positiva em todos que fizerem parte ou terem conhecimento.

Ou seja, há sempre formas de aproveitar as ações de responsabilidade social na comunicação da empresa. Você poderá divulgar no site, em flyers, e até em logos durante o evento. Mas para que sejam recebidas como algo positivo pelo público é preciso fazer sempre e fazer para valer.

Aprenda como melhorar a segurança de dados na nuvem da sua empresa

seguranca-de-dados-na-nuvem

Atualmente a computação em nuvem está sendo muito utilizada nas empresas para proteção e segurança de documentos, otimizando e tornando mais dinâmicos os processos internos.

Entretanto, a segurança de dados na nuvem precisa de um cuidado mais do que especial, afinal o sigilo ou a perda destes dados e informações podem trazer prejuízos enormes ou até mesmo levar a empresa a falência.

Pensando nisso, separamos para você algumas dicas de como melhorar essa proteção, para sua empresa não sofrer consequências negativas, por causa da negligência da sua equipe ou de um profissional especializado! Vamos lá?

1. Use criptografia na nuvem

A primeira forma de proteger os dados na nuvem é adotando a criptografia. Trata-se de um conjunto de códigos que transformam o documento em um arquivo protegido, em que só quem tem a senha poderá abri-lo.

Isso, para as empresas e para a própria tecnologia na nuvem, é muito importante porque aqueles documentos sigilosos e privativos, como planilhas e situação financeira podem ser guardados a sete chaves.

Se o funcionário perder o aparelho eletrônico também segue a mesma premissa, evitando que os dados sejam roubados ou até mesmo corrompidos.

2. Use senhas fortes

Isso pode parecer clichê, entretanto, a quantidade de pessoas que confiam muito na sua própria organização e que não utilizam senhas fortes (como o próprio aniversário ou 1234) é muito grande.

E como estamos falando de segurança de dados na nuvem, criar uma senha forte, que combine números, letras (maiúsculas e minúsculas) e caracteres especiais torna o trabalho de hackers mais difícil.

Não podemos deixar de citar que estabelecer níveis de acesso também é uma técnica válida para a organização. Assim, apenas usuários poderão ter acesso a um tipo de documento, garantindo que haja maior confidencialidade e proteção de dados.

3. Faça contrato de sigilo

Outra estratégia de segurança é a produção de um contrato de sigilo para que seus funcionários assinem, obrigando-os a conhecer a confidencialidade das informações compartilhadas em ambiente corporativo.

Dessa forma, além de aumentar a credibilidade da organização frente aos clientes e aos próprios colaboradores, faz com que a empresa detenha o poder de processo se ocorrer vazamentos de dados, por exemplo.

Aliás, é essencial que você treine os seus funcionários em relação à privacidade dos dados e como protegê-los, ensinando-os a fazer backups, por exemplo, e adotando mais tecnologias de segurança (softwares) em seus dispositivos pessoais.

Tudo isso para que não comprometam os arquivos confidenciais da própria organização.

4. Utilize servidores seguros

Não é de hoje que sabemos quão perigoso é se conectar em diversas redes sem ao menos saber se elas são seguras. Por isso, em uma empresa, é recomendado que se utilizem redes privadas virtuais, as chamadas VPNs.

Essas redes são canais que apenas podem ser utilizados por aqueles que possuírem a chave de acesso, a de autenticação. Dessa forma, os dados permanecem protegidos e pessoas específicas têm acesso para fazer a manutenção dos dados e movimentá-los. Com as VPNs, evita-se que hackers tentem burlar a conexão, por exemplo.

Ao propor essas dicas para seus colaboradores, você estará trazendo para sua empresa maior segurança, atraindo clientes que vão confiar nos seus processos que visam à confidencialidade e à proteção dos dados.

A identidade da empresa assumirá essa premissa e essa segurança previne que os arquivos sejam comprometidos pelos próprios funcionários ou por terceiros que querem invadir o seu sistema.

Por isso, mantenha-se sempre atualizado em relação aos softwares e à própria segurança de dados na nuvem.

O que você achou das nossas dicas? Tem mais alguma sugestão? Conta pra gente nos comentários ou acesse outros conteúdos do Blog clicando aqui.

Intranet: 5 dicas para gerar resultados na sua empresa

5 dicas para gerar resultados com a intranet

Gerar resultados com a intranet da empresa é uma tarefa que se inicia com o investimento em uma ferramenta interessante, responsiva e funcional, mas só rende o esperado com o engajamento dos colaboradores.

Afinal, estamos falando de um importante instrumento de comunicação interna, feito por colaboradores e para os colaboradores. A participação deles é essencial.

Quer saber, então, como você pode gerar resultados com a intranet da empresa, mantendo-a ativa e sempre atualizada? Confira as 5 dicas que separamos no post de hoje!

1. Apresente aos colaboradores

Pode ser que a intranet seja uma novidade, ou até mesmo que esteja em desuso há bastante tempo. Independentemente das razões para a falta de engajamento, vale a pena reunir os colaboradores para apresentar a ferramenta para eles.

Não apenas isso: prepare um treinamento no qual todas as funcionalidades da intranet sejam detalhadas, tornando seus processos cada vez mais familiares para os colaboradores. Com isso, o hábito passa a fazer parte da rotina deles.

2. Concentre informações relevantes para todos

Com a realização de uma pesquisa de satisfação, fica muito mais fácil compreender os motivos que levaram os colaboradores a abandonarem a intranet.

Por isso, se você deseja gerar resultados com a intranet da empresa, é necessário compreender o que os colaboradores mais desejam visualizar e interagir nesse tipo de ferramenta corporativa.

Comece com informações relevantes a todos da empresa, como, por exemplo, o banco de horas e o holerite. Lembre-se, apenas, de manter essas informações em constante atualização. Em seguida, desdobre as utilidades de acordo com as expectativas do seu próprio público. Boas novidades podem surgir a partir daí.

3. Torne a intranet mais participativa e colaborativa

Já que ela é um poderoso meio de comunicação da empresa, por que não torná-la convidativa à participação dos próprios colaboradores? A produção de conteúdo de maneira colaborativa faz com que mais informações cheguem à intranet e, consequentemente, ao alcance de todos.

Basta abrir o espaço, criar uma rotina de filtragem do conteúdo e dedicar uma área no calendário editorial da intranet. Todos têm a ganhar com um ambiente menos rígido e hierárquico e que seja, verdadeiramente, de todos da empresa.

4. Melhore-a constantemente

A tecnologia, atualmente, é um lembrete de que devemos alcançar um novo patamar de excelência continuamente. Com a intranet, não é diferente. Por isso, para gerar resultados, as melhorias devem fazer parte da rotina corporativa. E isso engloba:

  • Análise constante de usabilidade da ferramenta;
  • Melhorias na interface, tornando-a mais convidativa e prática;
  • Experiências de otimização do usuário;
  • Estudo de novas tecnologias para tornarem a intranet mais responsiva e versátil.

Enfim, trabalhe arduamente para que ela nunca seja menos relevante do que os outros meios de comunicação interna, como a TV corporativa, por exemplo, e tampouco mais obsoleta do que outras ferramentas utilizadas no dia a dia.

5. Torne-a insubstituível

Já imaginou como facilitaria a rotina dos colaboradores se a sua intranet tivesse um chat para que eles dialogassem rapidamente? Ou, ainda, com uma área pessoal em que eles pudessem fazer uploads e downloads de arquivos?

Com o tempo, é possível transformar a intranet em um espaço fundamental, tornando o seu acesso diário relevante para o cumprimento de tarefas no dia a dia. Por isso, vale a pena investir em diferentes tecnologias nesse sentido.

E então, que outras dicas você acredita serem importantes para gerar resultados com a intranet da empresa? Não deixe de compartilhar conosco no campo de comentários!